O enfermeiro frente ao processo de resiliêcia do paciente em tratamento hemodialítico

  • Neuma Francisca Oliveira de Vasconcelos
  • Erci Gaspar da Silva
Palavras-chave: Paciente renal crônico, Paciente renal crônico, Profissional de enfermagem, Profissional de enfermagem, Tratamento Hemodialítico, Tratamento Hemodialítico, Resiliência, Resiliência

Resumo

O tratamento hemodialítico gera impacto e mudanças significativas no modo de viver do pacien-te renal crônico, sendo muitas vezes difícil o enfrentamento dessa etapa em sua vida. Como o enfermeiro está perto de toda essa mudança cabe a ele auxiliar o renal crônico no processo de resiliência, atuando como educador e facilitador no processo terapêutico estando apto pronta-mente a intervir e assim evitar potenciais intercorrências. A busca pela literatura ocorreu na Bi-blioteca Virtual em Saúde (BVS), nos meses de junho de 2018 e setembro de 2018. As bases de dados de literatura científica e técnica consultadas foram: Literatura Latino-Americana e de Cari-be em Ciências da Saúde (LILACS) e Scientific Electronic Library Online (SciELO). Os descri-tores foram selecionados a partir da terminologia em saúde consultada nos Descritores em Ciên-cias da Saúde (DECS-BIREME). O objetivo deste estudo é discriminar a atuação do enfermeiro no processo de resiliência do paciente renal crônico em tratamento hemodialítico, ressaltando o papel do enfermeiro  como principal agente do processo de resiliência do paciente em tratamento hemodialítico, oferecendo maneiras de compreensão sobre a doença, a fim de que o paciente renal crônico desenvolva auto responsabilidade, mudança de comportamento em relação ao seu estilo de vida e produção de esperança e perseverança que promovam a sua adaptação ao trata-mento hemodialítico.

Publicado
2019-08-19
Como Citar
1.
Vasconcelos NFO de, Silva EG da. O enfermeiro frente ao processo de resiliêcia do paciente em tratamento hemodialítico. Rev Inic Cient Ext [Internet]. 19º de agosto de 2019 [citado 20º de setembro de 2019];2(4):228-34. Disponível em: https://revistasfacesa.senaaires.com.br/index.php/iniciacao-cientifica/article/view/262

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##