O impacto do processo de finitude e morte de pacientes no cotidiano do profissional de enfermagem

Autores

  • Renan Moreira de Araújo
  • Alice da Cunha Morales Álvares
  • André Luiz Souza de Jesus

Palavras-chave:

Emocional, Enfermagem, Finitude, Morte

Resumo

Este artigo tem como objeto analisar o impacto do processo de finitude e morte de pacientes em estágio terminal que requer atendimento humanizado e o impacto psicológico causado ao profissional de enfermagem, que tem como parâmetro seguir normas, éticas profissionais e institucionais com o objetivo de salvar vidas. A morte é um evento que causa sofrimento à família e aos profissionais de enfermagem, sendo necessário aos mesmos criarem mecanismos de defesa para evitar o sofrimento, demonstrando a necessidade do distanciamento entre o lado pessoal e o profissional. Percebe-se a importância de haver ligação entre teoria e prática na formação acadêmica para que haja equilíbrio emocional e estrutural desses profissionais.
Descritores: Emocional; Enfermagem; Finitude; Morte.

Referências

Rockembach, JV, Casarin ST, Siqueira HCH. Morte pediátrica no cotidiano de trabalho do enfermeiro: sentimentos e estratégias de enfrentamento. 2010 Ver. Rene. Fortaleza, v. 11, n 2. P. 63-71.

Quadros LS. O que é a morte? 2010. Disponível em: http://esperanca.com.br/2010/02/17/o-que-e-a-morte-2/. Acesso em: 10/10/2017.

Dias MV, Backes DS, Ilha S, Nicola GDO, Vidal DAS, Mendes D, o processo de morte e morrer na prática de enfermagem: um relato de experiência. 2012, disponível em: http://www.unifra.br/eventos/jornadadeenfermagem/Trabalhos/3978.pdf. Acesso em: 10/10/2017.

Borges TRC, O enfrentamento da equipe de enfermagem no processo de morte e morrer do paciente, 2011 disponível em: http://repositorio.unesc.net/bitstream/1/841/1/T%C3%A2nia%20Regina%20Costa%20Borges.pdf acesso em 23/11/2017

Selli L, Alves JS. O cuidado espiritual ao paciente terminal no exercício da enfermagem e a participação da bioética. Bioethikos – Centro Universitário São Camilo, 2007, disponível em: http://www.scamilo.edu.br/pdf/bioethikos/54/O_cuidado_espiritual.pdf Acesso em 23/11/2017

Gomes SMR, O luto em enfermeiros expostos à morte dos doentes, 2014 Faculdade de Medicina na universidade de Porto, acesso em 23/11/2017

Parkes C, Luto - Estudos sobre a perda na vida adulta. 2018. Disponível em: https://docero.com.br/doc/n8nsne. Acesso em 27/07/2018.

Métodos e técnicas de pesquisa social / Antonio Carlos Gil. - 6. ed. - São Paulo: Atlas, 2008.

Vargas D. Morte e morrer: sentimentos e condutas de estudantes de enfermagem. APE- Acta Paulista de Enfermagem, v23, n:3 p:405-410, junho 2010

COSTA,J.C; LIMA,R.A.G. Luto da equipe: revelações dos profissionais de enfermagem sobre o cuidado à criança/adolescente no processo de morte e morrer. Disponível em http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S010411692005000200004&script=sci_arttextacessado

Publicado

2018-11-02

Como Citar

1.
Araújo RM de, Álvares A da CM, Jesus ALS de. O impacto do processo de finitude e morte de pacientes no cotidiano do profissional de enfermagem. Rev Inic Cient Ext [Internet]. 2º de novembro de 2018 [citado 13º de agosto de 2020];1(Esp 4):400-4. Disponível em: https://revistasfacesa.senaaires.com.br/index.php/iniciacao-cientifica/article/view/127

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##

1 2 > >>