Prevenção, assistência e apoio familiar na reabilitação dos pacientes portadores de acidente vascular cerebral

  • Francilene Gonzaga
  • Walquiria Lene dos Santos

Resumo

O Acidente Vascular Cerebral (AVC) é definido como a interrupção do fluxo sanguíneo, em determinada região do cérebro, resultando uma súbita lesão da mesma, ocasionando determinados sintomas que caracterizam o AVC. O objetivo desse artigo é avaliar o papel da equipe, do município e da família na reabilitação do paciente com Acidente Vascular Cerebral. Estudo de campo. Os cenários do estudo foram CAIS, Upa e UBS do Município de Valparaíso. Os dados analisados se referem a 17 enfermeiros e 31 familiares de pacientes com AVC.Pelos resultados encontrados observa-se que a maioria dos familiares não recebem capacitação para cuidar dos familiares, o fator de risco mais importante para o AVC, foi a hipertensão, a prevenção é feita com controle da pressão arterial, a assistência é feita por meio de visita domiciliar. Com relação à pesquisa com os enfermeiros, uma parcela considerável relatou que não receberam cursos de capacitação para cuidar do paciente com AVC, e que o município não fornece esses cursos. E definiram o atendimento de enfermagem para o paciente com AVC como fundamental. Os profissionais de saúde também relataram que são necessários mais cursos de capacitação para melhor assistência do paciente com AVC. As principais dificuldades enfrentadas pela família em casa, ao cuidar do paciente foi a falta de colaboração dos demais membros da família. Conclui-se que os familiares necessitam de mais apoio por parte da enfermagem e dos demais familiares, e o município precisa investir em mais capacitação para esses profissionais que atuam como orientadores e essenciais no cuidado.

Descritores: Prevenção; AVC; Apoio familiar.

Publicado
2018-07-03
Como Citar
1.
Gonzaga F, Santos W. Prevenção, assistência e apoio familiar na reabilitação dos pacientes portadores de acidente vascular cerebral. REIcEn [Internet]. 3jul.2018 [citado 12dez.2018];1(Esp):127-35. Available from: http://revistasfacesa.senaaires.com.br/index.php/iniciacao-cientifica/article/view/61

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##